VOCÊ JÁ REGISTROU A SUA MARCA?

A marca é o sinal simbólico ou nominal que caracteriza um produto ou um serviço. É o que torna forte a empresa ou a pessoa física, pois a identifica e a distingue das demais. Ao ser reconhecido por uma marca, seja ela mista, nominal ou através de logotipos, um grande valor é agregado, então nada mais certo do que protegê-la e adquirir sua propriedade.
No Brasil, o órgão responsável pelo registro de marcas é o Instituto Nacional de Propriedade Industrial, perante o qual deve ser requerido. É um processo administrativo e extrajudicial, que leva em média três anos. Apesar de ser um pouco demorado, é de suma importância, pois a propriedade e o uso exclusivo da marca são adquiridos apenas com o Registro.
Quais as consequências se eu não registrar a minha marca? A titularidade da marca é concedida a quem a busca perante o INPI. Não se registrando uma marca, corre-se o risco de outra empresa, de qualquer lugar do Brasil, requerer o registro primeiro e se tornar proprietário da marca, a qual pode inclusive notificar empresas – que atuem no mesmo ramo – que se utilizem da marca, podendo até mesmo cobrar royalties. Além disso, perde a identidade de sua empresa ou nome artístico e, portanto, após muito tempo sendo reconhecido perante a Sociedade com uma marca nominal ou simbólica, deverá recomeçar do zero, com outra marca que o represente, pois terá perdido o direito de utilizar a antiga, apenas pela ausência do Registro. É indispensável realizar o registro da marca para garantir que ninguém mais vá usá-la, bem como para possuir o direito de criação e uso da mesma, prevenindo-se de eventuais problemas futuros. #direitosautorais#registrodemarcas #empresas #marca #nomeartistico #nomeempresarial#logotipo #inpi #empresário #advocaciaempresarial

A IMPORTÂNCIA DO ADVOGADO EMPRESARIAL PARA OS EMPREENDEDORES

O Empreendedorismo é a força que impulsiona o país. Para que a empresa possa crescer de forma constante e sustentável, é indispensável que se tenha um bom acompanhamento jurídico. A análise de novas oportunidades e a gestão dos riscos por um profissional qualificado permite que a única preocupação do empresário seja crescer e mudar o mundo.

Ao se contratar uma assessoria jurídica especializada em resolver problemas e questões burocráticas de forma legal, imediata e eficiente, o empreendedor ultrapassa seus obstáculos e vence desafios, pois já consegue ter conhecimento prévio do que vai acontecer, buscando a melhor maneira de agir, sempre com respaldo na lei e no bom senso, evitando, assim, grandes transtornos para a empresa.

Uma consultoria jurídica completa busca sempre afastar as demandas do judiciário, de modo a evitar disputas litigiosas que somente tragam prejuízos e atrasos à empresa, resolvendo de forma rápida e preventiva as questões que envolvem a rotina do empreendedor, através de acompanhamentos, acordos extrajudiciais, recursos administrativos, negociações,  investigações prévias de novos negócios que o empresário venha a querer investir, bem como participar das tomadas de decisões estratégicas relacionadas ao negócio do empreendedor.

Uma boa assessoria transforma o empresário em vencedor do mercado, possibilitando que este reduza seus custos, otimize seu tempo e aumente receitas, com resultados eficientes. Faz com que o empresário deixe sua marca na sociedade, sendo reconhecido de forma positiva por toda a população.